Entre em contato
48 34339020

Arquivos mensais:outubro 2015

Loja de departamentos Havan é processada em 1,8 milhão

Fonte: www.prt18.mpt.gov.br O Ministério Público do Trabalho (MPT) em Goiás processou a Havan Lojas de Departamentos LTDA por proibir que seus empregados tenham relacionamentos amorosos entre si, mesmo fora do ambiente de trabalho, e não contratar pessoas cujos parentes já trabalhem na empresa. O valor pedido por danos morais coletivos é de R$ 1,8 milhão. […]

Ler mais

Confecção terá de pagar danos materiais a passadeira por lesões pelo trabalho

Fonte: www.tst.jus.br A empresa mineira Confecções Children Ltda. foi condenada pela Oitava Turma do Tribunal Superior do Trabalho (TST) a pagar indenização por danos materiais a passadeira que ficou incapacitada para trabalhar após sofrer lesões por esforço repetitivo devido à função. O colegiado restabeleceu sentença fixando indenização por danos materiais em prestações mensais à trabalhadora. […]

Ler mais

Gari receberá indenização porque empresa não fornecia banheiro

Fonte: www.tst.jus.br Um gari de Guaxupé (MG) receberá R$ 5 mil de indenização por danos morais porque a empresa não oferecia banheiro durante a jornada de trabalho. Na opinião dos ministros da Sétima Turma do TST, a empresa agiu com culpa ao não oferecer um ambiente de trabalho saudável para o trabalhador. Na reclamação trabalhista […]

Ler mais

Cabe ao empregador provar que oferece condições dignas de trabalho

Fonte: www.trt3.jus.br O oferecimento de um ambiente de trabalho saudável e em plenas condições de satisfazer as necessidades básicas dos trabalhadores é o mínimo que se espera do empregador. Mas as reclamações que chegam à Justiça do Trabalho denunciam que muitos patrões ainda resistem a cumprir suas obrigações. Quando se trata de empregado do campo, […]

Ler mais

Zara é condenada por exigir trabalho contra orientação médica

Fonte: www.trt9.jus.br A Sétima Turma do TRT do Paraná reconheceu a rescisão indireta do contrato de trabalho de uma vendedora de Curitiba que sofria de bursite de ombro e, mesmo assim, era obrigada pela loja de departamentos a pendurar roupas em lugares altos, contrariando a recomendação médica para não carregar peso ou levantar os braços. […]

Ler mais

HSBC é condenado por impôr metas excessivas e cobranças desrespeitosas à bancária

Fonte: www.trt14.jus.br O HSBC Bank Brasil S.A. foi condenado a pagar 50 mil reais de indenização por danos morais a uma ex-funcionária que sofria com a imposição de metas excessivas e cobranças desrespeitosas. A decisão é do juízo da 2ª Vara do Trabalho de Ariquemes (RO) que condenou o banco também ao pagamento de horas […]

Ler mais

Banco é condenado a pagar R$ 100 mil a empregada com LER

Fonte: www.trt1.jus.br A 1ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região (TRT/RJ) condenou o Itaú Unibanco a pagar a uma bancária indenização por danos morais de R$ 100 mil. Em 1º grau, o valor havia sido estipulado em R$ 30 mil. A profissional se aposentou por invalidez em 2005, por ter desenvolvido quadro […]

Ler mais

Turma mantém estabilidade para grávida por inseminação artificial

Fonte: www.tst.jus.br A Subseção I Seção Especializada em Dissídios Individuais (SDI-1) do Tribunal Superior do Trabalho manteve decisão da Sétima Turma do TST que reconheceu a estabilidade de ex-gerente da Senpe – Serviço Especializado de Nutrição Parenteral e Enteral Ltda. A empresa buscava reverter condenação ao pagamento dos valores relativos ao período de estabilidade porque […]

Ler mais

Reconhecida estabilidade de obreira que sofreu aborto espontâneo

Fonte: www.trt1.jus.br A 3ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região (TRT/RJ) reconheceu o período de estabilidade de uma trabalhadora desde a confirmação da gravidez até a data do aborto espontâneo que sofreu, acrescido de duas semanas de repouso remunerado. Os desembargadores que compõem a Turma entenderam que, ainda que inexista previsão legal […]

Ler mais

Empregada que sofria discriminação por ser homossexual recebe danos morais

Fonte: www.trt23.jus.br Todos os dias quando chegava no serviço, uma empregada do setor de abate em uma empresa de frigoríficos de grande porte no norte de Mato Grosso já sabia o que iria enfrentar. Após ter se declarado homossexual, a trabalhadora passou a escutar diariamente piadas ofensivas do chefe imediato, inclusive, mandando que ela fizesse […]

Ler mais